APOLLON – Advanced Pilots of Living Labs Operating in Networks

O projeto APOLLON – Advanced Pilots of Living Labs Operating in Networks e a experiência de eficiência energética, na qual a cidade de LIsboa está integrada, teve como objetivo principal facilitar a transferência de tecnologia de monitorização de consumos energéticos em tempo real entre os vários parceiros europeus, nomeadamente entre as PMEs participantes.

O Condomínio Jardins de São Bartolomeu, na Alta de Lisboa, aceitou o desafio de participar no projeto representando Lisboa num conjunto de quatro cidades europeias, entre as quais Amesterdão, Helsínquia e Luleå.

A escolha deste condomínio surgiu de forma natural devido às ações anteriormente implementadas pelo conjunto de moradores em termos de energias renováveis e eficiência energética, tornando-o ideal para a aplicação da metodologia Living Lab.

Em conjunto com a Lisboa E-Nova – Agência Municipal de Energia-Ambiente e com as PMEs ISA – Inteligent Sensing Anywhere e Alfamicro, pretendeu-se que os condóminos participantes nesta experiência compreendessem os seus consumos energéticos, promovendo a adoção de comportamentos energeticamente mais eficientes.

Em simultâneo, foi realizada uma avaliação dos contratos de fornecimento de energia, com a finalidade de verificar a sua adequabilidade.

Para tal, a Lisboa E-Nova recolheu, desde novembro de 2010, os dados mensais dos consumos elétricos de todos os condóminos que aceitaram este desafio e analisou os comportamentos de cada um através de um questionário.

Mais tarde, realizou-se a fase piloto de experimentação de monitores de energia elétrica – smartmeters nas habitações, que disponibilizaram informação sobre os consumos, em tempo real, de 15 em 15 minutos.

Os smartmeters comunicam com uma plataforma web de apresentação dos consumos. Os utilizadores podiam aceder em qualquer lugar e em qualquer momento aos seus consumos, verificar a existência de equipamentos a funcionar quando não são necessários e identificar outras oportunidades de intervenção, o que conduziu a uma potencial redução na fatura elétrica.

Apollon

Informação

PROGRAMA

Programa Competitividade e Inovação

INÍCIO

Novembro 2009

DURAÇÃO

36 meses

Parceiros

Internacionais

Links Úteis