Festival Solar Lisboa 2018

 

Durante os dias 17, 18, 19 e 20 de maio, realizou-se o Festival de Solar Lisboa, na Central Tejo / MAAT.
O Festival Solar figurou na Agenda da Sustainable Energy Week, da Semana Verde Europeia 2018 e na da Capital Verde Europeia 2020, no âmbito da qual a cidade de Lisboa foi finalista tendo vencido este galardão no passado dia 21 de junho.

Com o Festival Solar pretendeu-se divulgar a visão de uma sociedade solar, sustentável e eficiente, contribuindo para a construção da cidadania energética. Foi com o objetivo de estimular e entusiasmar o público escolar, as famílias e o público não profissional para a adoção de sistemas de energia solar e comportamentos e tecnologias promotoras de eficiência energética que o Festival recebeu a visita de cerca de 2000 pessoas durante os 4 dias. Nestes dias a organização forneceu informação capaz de apoiar a decisão dos consumidores e mostrou a diversidade das tecnologias solares existentes e das suas aplicações​.

Foram várias as atividades presentes no festival.

A Lisboa Casa Solar demonstrou à escala real uma casa energeticamente autossustentável.

 

Na Cantina Solar aprendemos a construir fornos solares e confecionámos alimentos através do sol.

 

No Inovasol agregámos os principais centros de investigação em energia solar e soluções para sistemas sustentáveis de energia.

 

Nas Experiências ao sol houve workshops com energia solar para crianças e jovens. Também se contaram Histórias com sol com intervenções teatrais e musicais relacionadas com ambiente e sustentabilidade para as crianças.

 

Ao final do dia Bailámos com o sol e com Cachupa Psicadélica, JPSimões e Bruno Pernadas nas escadarias do MAAT.

Brindámos na Foto Síntese, com os vencedores do concurso de fotografia onde se selecionaram os trabalhos que melhor passaram a mensagem de que o sol é um fonte de energia, arte e vida e um recurso indispensável para processos vitais na natureza.

 

No segundo dia do Festival, na Conferência”Lisboa Cidade verde” mostrámos que Lisboa está de parabéns por todo o trabalho que tem realizado para cumprir o caminho da sustentabilidade e da resiliência. Demos palco a projetos e soluções que contribuem para o desenvolvimento de cidades sustentáveis e foi neste âmbito que apresentámos o projecto inteGRIDy dando a conhecer o piloto que decorrerá em Lisboa (gerido pela Lisboa E-Nova) no edifício de serviços do Município em Campo Grande e onde será colocada uma pequena central fotovoltaica para autoconsumo que irá contribuir para um consumo de energia elétrica mais verde, objectivo traçado pelo Município de Lisboa na conquista do prémio de Capital Verde Europeia 2020.

No Ponto de encontro, com Mário Parra da Silva, falámos dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e de democratização da energia numa sessão inspiradora.

No Test Drive,  os visitantes experimentaram um modelo de triciclo movido a energia solar.

 

Obrigada a todos por terem contribuído para o sucesso deste festival. A organização já está a trabalhar para a edição do Festival Solar Lisboa 2019 que será ainda melhor. As novidades aparecerão aqui. Até já!