Siemens Portugal reforça proteção à rede de energia na Holanda

Com a entrada em funcionamento de cada vez mais micro-produtores, que não são controlados pelos operadores de rede, e com o descomissionamento, por toda a Europa, de centrais nucleares e a carvão que garantiam o serviço de rede conhecido como “black grid restoration1 (colocar em operação a central ou parte da rede elétrica sem ser necessário recorrer à rede de transmissão de energia) torna-se necessário equipar as centrais a gás que não têm esta valência de origem.

A Holanda, tal como outros países europeus, tem vindo a liderar o caminho nestas transformações, sendo o projeto Enecogen BS o terceiro do género no país e o primeiro a ser desenvolvido pela Siemens Portugal.

O projeto Enecogen BS tem como objetivo dotar a central de ciclo combinado da Enecogen com a capacidade “Black Start”. A Siemens em Portugal tem uma equipa de engenheiros especializada no desenvolvimento e implementação deste tipo de projetos, tendo já realizado um projeto similar no Reino Unido.

A central de ciclo combinado, onde está a ser desenvolvido este projeto, pertence à Enecogen, uma parceria entre a Eneco (Holanda) e a Ørsted (Dinamarca) e o projeto é iniciado para servir a TenneT (operador de rede holandês). Esta central de ciclo combinado, que entrou em operação em 2011, tem uma capacidade de 870 megawatts e fornece energia a 1.4 milhões de habitações. Está situada na zona industrial do porto de Roterdão.

Contatos para jornalistas:
Rita Silva | 21 417 87 47 | 96 458 24 99 | E-mail: ritas.silva@siemens.com
Ana Torres Pereira | 93 826 84 84 | e-mail: atp@mpublicrelations.pt
José Almeida Ribeiro | 91 981 12 16 | e-mail: jar@mpublicrelations.pt
Sala de imprensa www.siemens.pt/imprensa
Banco de Imagens genéricas disponível aqui
Facebook www.facebook.com/siemensportugal
Twitter – http://twitter.com/siemenspt
Youtube Siemens Portugal

A Siemens está em Portugal há 112 anos empregando atualmente 2.150 profissionais. A Siemens sedeou em Portugal vários
centros de competência mundiais nas áreas da energia, infraestruturas, tecnologias de informação e serviços partilhados, que
exportam soluções e serviços made in Portugal para os cinco continentes.

Para mais informações visite www.siemens.pt ou twitter

A Siemens é um grupo empresarial tecnológico, que se destaca há mais de 170 anos pela excelência da sua engenharia,
inovação, qualidade, confiabilidade e internacionalidade. A empresa está presente em todo o mundo, com enfoque nas áreas de
eletrificação, automação e digitalização. Sendo um dos maiores produtores mundiais de tecnologias energeticamente eficientes,
com grande economia de recursos, a Siemens é um dos fornecedores líderes de soluções para a produção e transmissão de
energia, e pioneira em soluções para infraestruturas, automação, acionamentos e soluções de software para a indústria. A
empresa é também um fornecedor líder de equipamentos de imagiologia médica – desde sistemas de tomografia computorizada e
de ressonância magnética a diagnósticos laboratoriais e tecnologias de informação clínica. No ano fiscal de 2017, findo a 30 de
setembro de 2017, a Siemens gerou receitas de 83,0 mil milhões de euros e um resultado líquido de 6,2 mil milhões de euros. No
fim de setembro de 2017, a Siemens empregava mundialmente cerca de 372.000 colaboradores.

Para mais informações visite
http://www.siemens.com