A Lisboa E-Nova aderiu ao Compromisso Lisboa Capital Verde Europeia 2020 – Ação Climática Lisboa 2030.

A Lisboa E-Nova aderiu no dia 29 de janeiro ao Compromisso Lisboa Capital Verde Europeia 2020 – Ação Climática Lisboa 2030, na cerimónia de assinatura do protocolo com 38 medidas a serem implementadas. Esta iniciativa decorre do Acordo de Paris para o Clima e corresponsabiliza cada país na resposta à ameaça das alterações climáticas.
A Câmara Municipal de Lisboa comprometeu-se com os objetivos previstos no Pacto dos Autarcas para o Clima e Energia da União Europeia e na Rede C40 e aprovou um Plano de Ação para as Energias Sustentáveis e o Clima (PAESC) para a Cidade.
Esta iniciativa decorre de um conjunto de compromissos assumidos pela cidade, no âmbito do Acordo de Paris para o Clima, que corresponsabiliza cada país na resposta à ameaça das alterações climáticas, e no Pacto dos Autarcas para o Clima e Energia da União Europeia e na Rede C40.
Lisboa pretende atingir a neutralidade carbónica em 2050 e para tal é determinante a resposta conjunta, não só da cidade, mas das organizações parceiras.
A Lisboa E-Nova tem como missão promover o desenvolvimento sustentável da cidade de Lisboa e respetiva área metropolitana. Neste sentido, a Lisboa E-Nova assume intrinsecamente os princípios inscritos no Compromisso, quer na sua atuação com a cidade, quer no seu quadro corporativo.

As medidas e projetos de cada organização podem ser conhecidas aqui.
https://lisboagreencapital2020.com/compromisso/

 2,205 total views