EDP cria unidades para explorar hidrogénio verde e armazenamento de energia

Com a criação destas unidades de negócio, nas áreas do hidrogénio verde e do armazenamento, a EDP reforça a liderança na transição energética.

O Grupo EDP reforçou o seu compromisso com a descarbonização ao lançar duas unidades que irão explorar o potencial do hidrogénio verde e sistemas de armazenamento de energia. A H2 Business Unit (H2BU) será o novo braço do Grupo para o desenvolvimento de projetos de hidrogénio verde, enquanto a unidade dedicada ao armazenamento, constituída na EDPR NA, terá como objetivo atingir uma capacidade de 1 GW em armazenamento em cinco anos.

O mercado do hidrogénio verde representa um dos eixos de crescimento para a EDP, fruto não só dos objetivos de descarbonização, mas também da redução de custos que se tem verificado, esperando-se que atinja a competitividade no decorrer desta década. Enquanto líder na transição energética, a EDP apoia de forma eficiente e transformacional a descarbonização de todos os setores da economia.

Com a criação da nova unidade de negócio, a EDP pretende reforçar a integração do hidrogénio verde no portefólio do Grupo de forma estratégica e transversal e promover o investimento nas renováveis. A H2BU será liderada por Ana Quelhas, até aqui diretora de Planeamento Energético do Grupo EDP.

A H2BU irá focar os seus esforços de desenvolvimento de oportunidades de hidrogénio verde junto dos setores promissores como a indústria do aço, química, refinarias e cimentos, bem como transportes pesados de longo curso. Os mercados prioritários serão os Estados Unidos e a Europa, alavancando no pipeline de renováveis e ativos existentes e complementando as soluções de descarbonização que o Grupo oferece aos seus clientes.

Ler mais..

 2,863 total views

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x