Workshop participativo sobre Resíduos Alimentares – Potencialidades e Constrangimentos

No âmbito do Projeto Cemowas2, gestão circular ecossistémica dos serviços de resíduos orgânicos e águas residuais, a Lisboa E-Nova, com o apoio da Circular- Consultoria em Sustentabilidade realizou, no dia 16 de outubro, um workshop colaborativo sobre resíduos alimentares em Lisboa, no Showroom do Sharing Cities, na Praça do Município em Lisboa.
A sessão surgiu no âmbito do desenvolvimento, em curso, de um diagnóstico participativo de sobre a valorização de resíduos alimentares no concelho de Lisboa, para a qual tinham sido previamente realizadas diversas reuniões com atores da cadeia de valor alimentar e divulgado um inquérito online aberto a todos os cidadãos lisboetas, no sentido de caracterizar a situação atual. Pretendeu-se neste workshop discutir com diferentes atores, mapeados no decorrer do diagnóstico, as potencialidades e os constrangimentos da cadeia de alimentação na gestão dos resíduos alimentares.
Estiveram reunidos mais de 20 participantes, durante cerca de 3 horas, que foram divididos em 4 grupos de trabalho, nos quais discutiram oportunidades e constrangimentos nas áreas da produção, consumo, recolha e tratamento/valorização dos resíduos alimentares em Lisboa. Houve também oportunidade para apresentação dos resultados preliminares do questionário online aberto aos cidadãos, bem como das entrevistas realizadas aos atores do ciclo de vida dos alimentos, que despertaram bastante o interesse dos participantes.
Para além dos relevantes resultados obtidos, considera-se muto importante o estabelecimento deste tipo de pontes e redes entre atores desde uma perspetiva abrangente (e circular) da cadeia de valor alimentar em Lisboa.