Skip to main content
search

Sistemas inteligentes para a gestão energética de ETARs

Resumo da Sessão:
A nível de consumo energético, verifica-se de forma generalizada nos países desenvolvidos que a energia consumida nos sectores da água e águas residuais representa entre 1% a 3% da energia consumida a nível nacional (EUA e Grã- Bretanha, respetivamente), sendo que o sector das águas residuais representa uma grande percentagem dos custos de operação e manutenção. O Sector da gestão dos sistemas de saneamento depara-se assim com o desafio de otimizar os processos, tendo em vista a redução dos consumos energéticos e diminuição da emissão dos gases com efeito de estufa decorrentes da gestão e tratamento das águas residuais, sem comprometer as licenças de descarga a que estão sujeitos.

A sessão visou a apresentação de um projeto de I&D designado por Smart Water 4 Energy (SW4E), financiado pelo QREN e POR Lisboa, que teve como objetivo ambicioso o desenvolvimento de um sistema inteligente para a gestão energética das ETAR, que permitisse dar respostas aos desafios do Sector, nomeadamente, a diminuição do consumo energético no processo de tratamento de águas residuais em simultâneo com a adoção de limites mais exigentes a nível da qualidade do efluente a descarregar nos meios recetores.

Data
24 de maio 2016

Localização
CIUL 

Orador
Pedro Póvoa (EPAL/LVT)

Horário
17h45 às 19h30

Apresentação

Moderador
Ângelo Mesquita (Lisboa E-Nova)

Outras sessões

Abril 19, 2018

Plano de Emergência para o Risco Sísmico da Cidade de Lisboa

Março 21, 2023

Qualidade do Ar em Lisboa 18 meses de monitorização contínua

Abril 19, 2018

Do InovGrid ao UPGRID: O panorama das Smart Grids em Portugal

Leave a Reply