Sharing Cities

O programa “farol” Sharing Cities, apoiado pelo Programa Horizonte 2020, pretende criar uma base comum, assente em economias de escala, para transformar cidades inteligentes numa realidade. Através de uma vasta colaboração internacional assente em três grandes eixos (as cidades, a indústria e as universidades), o programa visa garantir que as soluções adotadas se tornam mais acessíveis e inclusivas, explorando o seu potencial de integração, com vista a fortalecer a confiança dos cidadãos.

As cidades de Lisboa, Londres e Milão lideram o desenvolvimento de um projeto demonstrativo de alguns dos elementos necessários à efetiva criação de uma cidade inteligente, nomeadamente, através de:

  • Desenvolvimento de soluções integradas que respondam aos desafios energético-ambientais da atualidade: menos poluição, mais eficiência energética, maior produção renovável de energia, menos emissões de CO2, melhor mobilidade, mais emprego e mais inclusão social.
  • Aproximação dos cidadãos às suas cidades, aumentando a sua participação, com recurso às novas tecnologias e ferramentas.
  • Desenvolvimento de um plano de ação inovador, que sirva de modelo a outras cidades da UE e do mundo.
  • Identificação e alavancagem de fontes de financiamento privado e de novos modelos de negócio nas cidades, com base na informação gerada pela aplicação e integração destas soluções.

A Lisboa E-Nova assume um papel de liderança global no âmbito deste projeto demonstrativo, que compreende todas as atividades de implementação das tecnologias e soluções necessárias. Neste que é o pacote de trabalho mais ambicioso do projeto, enquadram-se iniciativas tais como:

  • Promoção da reabilitação de edifícios residenciais e de serviços públicos e privados, visando reduzir o consumo de energia em 5.614.780 kWh/ano.
  • Desenvolvimento de sistemas inovadores de gestão de energia para edifícios e bairros das cidades, focados na otimização da eficiência do consumo com base nas necessidades locais.
  • Implementação de um portfólio de medidas de mobilidade elétrica
  • Demonstração de soluções para iluminação inteligente integrando as infraestruturas e serviços urbanos como soluções inteligentes, que permitam a gestão e comunicação de dados de forma integrada.

A nível global, este programa é liderado pela Greater London Authority e conta com 35 parceiros de 7 países Europeus. De entre este conjunto alargado de parceiros, destaca-se a rede de parceiros portugueses que, para além da Câmara Municipal de Lisboa e a Lisboa E-NOVA, conta também com a Empresa Municipal de Mobilidade e Estacionamento de Lisboa (EMEL), a EDP Distribuição, Instituto Superior Técnico da Universidade de Lisboa, o Centro para a Excelência e Inovação da Indústria Automóvel (CEiiA), a REABILITA, e a Altice Labs.

Aceda à Plataforma de Conhecimento: aqui.

Informação

PROGRAMA
Horizon 2020 Smart Cities & Communities

INÍCIO
janeiro de 2016

DURAÇÃO
60 meses

Cidades Inteligentes – Cidades do futuro

No âmbito do projeto, realizou-se a Conferência “Cidades Inteligentes – Cidades do futuro“.

Notícias:

As cidades do futuro debatem-se em lisboa

Sharing Cities: um novo paradigma de gestão urbana sustentável

Sharing Cities: Promover a participaçãona cidade de amanhã

Sharing Cities: Energia, Mobilidade e infraestruturas

Showroom Sharing Cities

Reunião Sharing Cities em Burgas, Bulgária

Videos:

Oficial do Sharing Cities

Oficial do Sharing Cities Lisboa

DSM Lisboa

Showroom Sharing Cities

Praça do Município, 31, 1100-365 Lisboa
Horário de funcionamento: Dias úteis das 10h-13h e das 14h30 – 19h30
Visitas guiadas com marcação prévia para o seguinte email: smartcity@cm-lisboa.pt

Area de intervenção